Pinceladas de sonho

Mudanças estratégicas na posição de algumas peças, marcenaria inteligente, aproveitamento de itens já existentes e cores inspiradas na obra da artista plástica mexicana Frida Kahlo deixaram o quarto mais vibrante, iluminado e aconchegante

Daniel John Furuno

Pinceladas de sonho | <i>Crédito: CRISTIANO BAUCE (DIVULGAÇÃO)
Pinceladas de sonho | Crédito: CRISTIANO BAUCE (DIVULGAÇÃO)
Mesmo com a bancada vermelha, o tecido estampado cobrindo um trecho de parede e os diversos acessórios moderninhos, faltavam cores e personalidade no dormitório, na opinião da relações-públicas Vick Martinez e do jornalista Élvio Santos, de Porto Alegre. O casal convocou, então, as arquitetas Fernanda Fleck e Larissa Bassi, do escritório Ambientta, que, com intervenções simples porém muito bem pensadas, remodelaram o ambiente. “Hoje, temos conforto, praticidade e um visual lindo, lindo”, comemora Vick.

Muito mais clean e espaçoso

❚ Antes encostada no fundo, a cama foi movida para a parede vizinha, a maior do cômodo. A medida liberou área de circulação e facilitou o acesso aos criados-mudos que o casal já tinha e que foram mantidos. “Nem sempre é necessário trocar tudo para dar vida nova ao espaço”, diz Fernanda. 

❚ Em sua nova posição, o leito ficou bem de frente para a varanda. “Agora posso ficar olhando para as minhas plantinhas”, aprova Vick. 

❚ De quebra, essa configuração permitiu que a TV saísse de cima da bancada e fosse fixada na parede, após a retirada das ripas de madeira que a revestiam – e que desagradavam a moradora.

Luz, cores e estampas

❚ Na parede da cama, foi instalado um painel de MDF com acabamento azul, que contrasta com a bancada vermelha. O mesmo efeito foi obtido ao revestir a cabeceira de veludo vermelho. A sugestão da paleta veio da própria moradora, fã da pintora Frida Kahlo. 

❚ Em prol da iluminação, o painel inclui espelho – que reflete a luz natural vinda da varanda – e fita de LED na face superior. Integra, ainda, armário aéreo e escrivaninha, que formam um home office. 

❚ Nesse canto, aliás, as paredes já eram cobertas de veludo estampado. A fim de obter unidade visual, as arquitetas complementaram o trecho acima do painel, revestindo-o do mesmo tecido.







19/05/2016 - 10:42

Conecte-se

Revista Minha Casa
Coleção CARAS