Apê de 56 m² com decoração colorida e alto-astral

A harmoniosa mistura de tons é a principal responsável pela atmosfera alegre e luminosa deste apê paulistano

Texto: Carine Savietto

Território das cores | <i>Crédito: LUIS GOMES
Território das cores | Crédito: LUIS GOMES
Esta história é feliz desde o início: apenas dois meses depois de entrar em um consórcio imobiliário com prazo de 20 anos, a assessora de imprensa Flávia Coev foi sorteada. A busca pelo imóvel também foi moleza: "Me apaixonei pelo primeiro que vi", confessa a moça, que visitou outros apenas por desencargo. A partir daí, não teve pressa em transformar o apê de 56 m² no lar dos sonhos para ela e para o marido, o administrador Anderson Nascimento. O projeto, impecável e colorido, leva a assinatura da arquiteta Patricia Duarte, de Santo André, SP.

Projeto que fala ao coração

❚ Foi-se o tempo em que um apê de 54 m², como este, era considerado uma caixa de fósforos – hoje sabemos que, para fugir do aperto, o importante é eleger móveis adequados e não superlotar os ambientes.

❚ Para a arquiteta Patricia Duarte, a atmosfera de uma casa precisa ser vibrante, cheia de vida. "É possível conquistar esse efeito com as cores, sem que isso signifique deixar o visual poluído: aqui, usamos bastante branco para contrabalancear", diz. O mesmo papel neutralizador cumpre o piso vinílico com aparência de madeira (ref. w4483, da Revimac. Única Laminados, R$ 105 o m²). 

❚ A área do jantar exemplifica a estratégia, somando uma mesa básica (Sala Bella, R$ 3 300), pendentes amarelos (Lustres Diamante, R$ 416 cada) e cadeiras coloridas (Cross, da Espaço Til, compradas em promoção). 

❚ A sala de TV é o canto preferido do morador e o mais bonito na opinião da arquiteta: enquanto ele curte o conforto, ela destaca as prateleiras, que desenhou sob medida.

PREÇOS PESQUISADOS EM ABRIL DE 2016, SUJEITOS A ALTERAÇÃO

19/02/2017 - 12:34

Conecte-se

Revista Minha Casa
Coleção CARAS